ENOAMIGOS

Cursos e Consultoria em Vinhos

claudia@enoamigos.com.br

• Santos • São Paulo

Artigos
Momento DiVino "Vinhos Laranja" 25/03/16 - A Tribuna Jornal - Santos
MOMENTO DIVINO 25-03-2016
Vinhos tintos, brancos, rosés e, agora, laranjas

Santé!
Conhecemos três estilos de vinho relativos à sua cor: branco, rosé e tinto. Entretanto, hoje se fala de vinhos laranja ou orange wines. E você, leitor e leitora, se questiona - mas o que vem a ser um vinho laranja?

Pois bem, o laranja é um vinho elaborado a partir de uvas brancas e a sua vinificação é semelhante ao preparo dos vinhos tintos. A técnica de produção utilizada é ancestral, com provável origem na República da Geórgia, no Cáucaso.

Vamos lá, primeiramente retomemos o básico da vinificação. Vinho é o resultado da fermentação alcoólica natural do mosto das uvas. O mosto é a mistura de suco, sementes, engaços e cascas resultantes do seu esmagamento.
Nos vinhos brancos o contato entre o mosto e a pele das uvas é usualmente muito rápido, poucas horas de contato. A fermentação em si ocorre sem as cascas. O objetivo é um vinho leve e fresco.

A clássica vinificação em rosé utiliza uvas tintas e essas ficam pouco tempo em contato com as cascas, para criar um vinho de cor rosada e sabor leve.
Já nos vinhos tintos o contato direto com a pele da uva se dá durante toda a fermentação, objetivando tudo que se possa extrair das cascas como mais cores, aromas, sabores e taninos.

Com o vinho laranja a maceração, ou seja, o contato das cascas das uvas brancas com o mosto prolonga-se até a fermentação. O resultado: um vinho que nem é tinto e nem é branco.

Por apresentar uma cor que vai do dourado ao âmbar, o vinho foi batizado de "laranja" em 2004, quando um importador inglês provou um desses vinhos visitando um produtor na região de Etna na Sicília, o intitulou e o nome pegou.

O mundo do vinho atual conhece esse estilo laranja muito por causa do italiano Josko Gravner, renomado enólogo do Friuli. Seus vinhos são filosofais, nascem sob técnicas ancestrais, de priscas eras. Gravner, meticuloso e artesanal, preza mínimos detalhes, do manejo do vinhedo à cantina. É atento às fases da lua e às forças da natureza. Utiliza ânforas de barro feitas na Geórgia, revestidas de cera de abelha, as quais são enterradas para estabilidade da temperatura. Produz vinhos macerados por até 7 meses com as cascas e amadurecidos por até 7 anos em madeira eslovena, uma obra de arte. Idealista, Josko Gravner cria rótulos de valor inatingível para muitos.

Os laranja são vinhos austeros, densos, encorpados, sensivelmente de alma tinta. Têm cor forte e às vezes turva por não ser filtrado. No nariz flores, frutas maduras, cristalizadas e secas, maçã, damasco, laranja, ervas, minerais, balsâmicos e etc. Na boca uma explosão de sabores se alia a taninos que dão ao vinho "n" possibilidades de harmonização.

Gravner inspirou muitos seguidores e hoje os laranja são produzidos também na Eslovênia, Croácia, Portugal, Nova Zelândia, Estados Unidos, Chile e até no Brasil.

Experimente! E até a próxima taça!
momentodivino@atribuna.com.br


PROVEI E INDICO

De Martino Muscat Viejas Tinajas 2014, Vale de itata, CL
Uva: 100% Muscat (6 meses maceração em ânforas de argila)
Cor: dourado forte e turvo (12,5° GL)
Nariz: jasmim e flor de laranjeira, damasco, laranja, toque mineral
Boca: seco, explosão de frutas, taninos leves, bom corpo e longo
R$ 149,20 Enoteca Decanter

Vinho Laranja
25-03-2016
.:: • © Copyright 2007 - 2020, ENOAMIGOS ® • Santos • São Paulo • claudia@enoamigos.com.br • http://www.enoamigos.com.br .::
.:: • PORTALWEB 6.0 ® • WCMS Web Content Management Systems • Development for Santos Digital ™ Global Strategy