Artigos
 VER TODOS OS ARTIGOS 

WINE TALK Vinhos Doces Naturais - apoio: Enoteca Decanter Santos/SP - Vinícola Salton/RS - Vinícola Pericó/SC - Vinotage Cosméticos/RS
Enoamigos.com promoveu wine talk sobre vinhos doces, dia 1º NOV 2011 em Santos/SP
CURSOS 08-11-2011
enoamigos.com
IceWine Pericó - único vinho do gelo brasileiro - São Joaquim - Sta. Catarina


Enoamigos.com promoveu elegante wine talk sobre VINHOS DOCES NATURAIS. A elegância incontestável de um vinho doce foi provada na noite de 1° de Novembro, que contou com vinhos de alta gama. Vinhos de "meditação", assim também conhecidos por poderem ser degustados sem nenhum acompanhamento, sempre bem-vindos.

Após bate-papo explicativo, sobre as várias maneiras de se elaborar um vinho doce, desde um vinho com uvas de colheita tardia, com uvas de apassimento e suas diversas formas de secagem,  de uvas botrytizadas, de uvas congeladas, de vinhos fortificados, enfim, todas as formas que nos oferecem vinhos com alto teor de açúcar, iniciou-se a degustação.

enoamigos.com
enoamigos atentos às explicações sobre elaboração dos vinhos doces


Contamos com os seguintes vinhos:

SALTON LICOROSO INTENSO
MUSCAT DE RIVESALTES LES SAINTES 2003
VIN SANTO DEL CHIANTI CLASSICO 2001
ICEWINE  VINHO ROSÉ FINO LICOROSO 2009
CHÂTEAU DES TOURS 2005
GOOD COMPANY FULL RICH-MADEIRA

enoamigos.com
apoio da Vinotage cosméticos à base de semente de uva - super novidade


VINÍCOLA SALTON
SALTON LICOROSO INTENSO

DESCRIÇÃO: Elaborado com uvas selecionadas dos melhores vinhedos da vinícola, em perfeito estado de sanidade e maturez. O mosto, é extraído, clarificado e fermentado parcialmente em barricas de carvalho e alcoolizado com álcool vínico. Permanece em contato com suas leveduras durante um ano.
ACOMPANHAMENTO: Vinho de sobremesa ou aperitivo. Acompanha bolos, tortas, pudins, mousses, cremes, frutas em calda, cristalizadas e sorvetes. Acompanha também foie gras e queijos como roquefort e gorgonzola.
GRADUAÇÃO ALCOÓLICA: 15,0%vol
VOLUME: garrafa de 500ml
CARACTERÍSTICAS ORGANOLÉPTICAS: Apresenta-se com uma coloração amarelo ouro, com aromas de nozes, mel, baunilha, chocolate e flores cítricas. Possui sabor intenso e prolongado, lembrando amêndoas e frutos secos.
TEMPERATURA DO SERVIÇO: 6° - 8°

JEAN-LUC COLOMBO
MUSCAT DE RIVESALTES LES SAINTES 2003

REGIÃO: Languedoc - Vinhedos nos sopés dos Pirineus, na zona de Les Aspres.
CLASSIFICAÇÃO LEGAL: Muscat de Rivesaltes A.O.C. (Vin Doux Naturel)
CASTAS: 100% Muscat Blanc à Petit Grains.
GRADUAÇÃO ALCOÓLICA: 15° GL.
CARACTERÍSTICAS CLIMÁTICAS: Clima mediterrâneo extremamente ensolarado, com 325 dias de sol ao ano e baixa pluviosidade de 570mm. A proximidade dos Pirineus é importante fator para o meso-clima quente, pois seus ventos frescos noturnos secam as uvas e prolongam o seu processo de amadurecimento.
CARACTERÍSTICAS DO SOLO: Solos argilo-calcários.
ELABORAÇÃO: A fermentação ocorre por 3 a 4 dias, e é interrompida com adição de aguardente vínica, processo denominado de mutage. Amadurece em barris de carvalho de 3º e 4º passagem por 12 meses.
AMADURECIMENTO: 12 meses em barris de carvalho de 3º e 4º passagem.
ESTIMATIVA DE GUARDA: 8 anos.
CARACTERÍSTICAS ORGANOLÉPTICAS: Amarelo dourado intenso, pastoso na consistência. Exuberante, com geléia de tangerina com casca, damasco seco, mel, acácia e especiarias exóticas. Doce e untuoso, mas com uma deliciosa sapidez mineral a amparar a maciez. Muito persistente.
DIRETRIZES ENOGASTRONÔMICAS: Excelente com queijos de veios azuis: Roquefort, Fourme d'Ambert, Gorgonzola. Crème brûlée à la fleur d'oranger (creme "queimado" aromatizado com água de flor de laranjeira); île flottante (clássica receita de suspiros de clara sobre creme inglês, com um toque de caramelo); apple pie (torta de massa brisée assada com recheio de maçã, açúcar mascavo e canela).
VOLUME: garrafa de 500ml
TEMPERATURA DE SERVIÇO: 8°C

enoamigos.com
vinhos degustados na Enoteca Decanter Santos


ROCCA DELLE MACIE
VIN SANTO DEL CHIANTI CLASSICO 2001

REGIÃO: Toscana - Chianti Classico
CLASSIFICAÇÃO LEGAL: Vin Santo del Chianti Classico D.O.C.
CASTAS: Trebbiano Toscano, Malvasia Bianca Lunga.
GRADUAÇÃO ALCOÓLICA: 17° GL
CARACTERÍSTICAS CLIMÁTICAS: As várias pequenas elevações ao norte protegem bem os vinhedos, gerando um mesoclima relativamente quente e seco, com boa luminosidade, importante diferença térmica dia-noite e estação de amadurecimento positivamente longa.
CARACTERÍSTICAS DO SOLO: margas argilo-calcárias ricas em galestro (pedras que se desfazem em lâminas com pontas pronunciadas).
ELABORAÇÃO: Colheita na terceira e quarta semana de setembro. As uvas são levadas ao appassimento, dependuradas em fios à maneira tradicional, até fevereiro. A difícil fermentação ocorre em pequenas barricas conhecidas localmente como caratelli, e pode durar de 1 ano e meio até dois anos. O vinho permanece por mais longos anos em envelhecimento oxidativo nestas barricas.
AMADURECIMENTO: 36-48 meses em pequenas barricas de carvalho francês e da Eslavonia, conhecidas localmente como caratelli.
CARACTERÍSTICAS ORGANOLÉPTICAS: Dourado intenso e cristalino. Complexo e inebriante em suas camadas aromáticas de nozes, figos secos, marzipã e notas etéreas. Excelente equilíbrio entre a doçura e o frescor. 
DIRETRIZES ENOGASTRONÔMICAS: Excelente com a pasticceria secca típica toscana: cantucci (biscoitos de amêndoas que tradicionalmente são imersos no vinho), ricciarelli, amaretti, brigidini. Perfeito com queijos curados e mel: pecorino stagionato com mel de castanha e raspas de casca de laranja. Ótimo com sobremesas à base de frutas assadas (maçã, damascos, mangas) e em compotas (crostata com geléia de damasco), mel, nozes, avelãs, amêndoas ou caramelo. Também vinho da meditazione, para ser apreciado sem acompanhamento.
VOLUME: garrafa de 500ml
TEMPERATURA DE SERVIÇO: 16 °C 
ESTIMATIVA DE GUARDA: 15 anos

CHÂTEAU DES TOURS
CHÂTEAU DES TOURS 2005

REGIÃO: Bordeaux - Sainte-Croix-du-Mont - 10 hectares de vinhedos nas encostas mais altas da denominação. Vinhas com 40 anos de idade média. 
CLASSIFICAÇÃO LEGAL: Sainte-Croix-du-Mont A.O.C.
GRADUAÇÃO ALCOÓLICA: 14° GL, com 97,7 g/l de açúcar residual.
CARACTERÍSTICAS CLIMÁTICAS: O clima da região é do tipo temperado atlântico. A localização junto ao Garonne cria um meso-clima que favorece o aparecimento de névoas matinais no outono, dissipando com o aquecimento do sol na parte da tarde. Essas condições permitem o desenvolvimento da Botrytis cinerea em sua forma nobre, "pourriture noble".
SOLO: Solos argilo-calcários em encostas íngremes. Vinhedos com exposição sul-sudoeste.                                     
ELABORAÇÃO: As uvas são colhidas de setembro à novembro, onde temos de 5-8 semanas para as "tries", seleção em várias passagens nos vinhedos para o recolhimento somente de uvas afetadas pela Botrytis. Suave prensagem pneumática. Débourbage (clarificação natural do mosto por decantação), com posterior início da fermentação por ação de leveduras selvagens. Em virtude da quantidade de açúcar residual nas uvas, a fermentação pode durar várias semanas. Clarificação por decantação natural dos sólidos. Suave filtração. Permanência nos tanques até o engarrafamento.
AMADURECIMENTO: 6-8 meses em cubas de inox e grandes recipientes de cimento inerte.
CARACTERÍSTICAS ORGANOLÉPTICAS: Amarelo dourado luminoso, pastoso na consistência. Extremamente rico no olfato, com damascos, mel de laranjeira, crème brûlée e baunilha. Potente, cremoso e harmônico, com longo e perfumado final.                                                                                                                                    
DIRETRIZES ENOGASTRONÔMICAS: millefeuille au fraises (milfolhas intercaladas com crème pâtissière aromatizado com baunilha e morangos frescos); Crème brûlée à la fleur d'oranger (creme "queimado" aromatizado com água de flor de laranjeira); chausson com Roquefort e marmelo (folhado assado de Roquefort e marmelo confitado com especiarias doces), foie gras en terrine com flor de sal; viennoiseries em geral (croissants, brioches, pain aux raisins, kougelhopf).
VOLUME: garrafa de 750ml
TEMPERATURA DE SERVIÇO: 8-12°C.
ESTIMATIVA DE GUARDA: 10 anos +

enoamigos.com
prova do vinho Châteu des Tours


VINÍCOLA PERICÓ
ICEWINE VINHO ROSÉ FINO LICOROSO 2009

CASTA: Cabernet Sauvignon
ORIGEM: Pericó Valley, São Joaquim/SC, das Terras de Altitude e da Neve Catarinense a 1300 m.s.n.m.
PROCESSO: Vinho licoroso elaborado com uvas colhidas maduras e congeladas naturalmente nos vinhedos (temperatura de -7,5 °C), no final do outono, cultivados em espaldeira, com uma produção de somente 0,500 kg por planta. Os vinhedos estão localizados a uma altitude de 1300 metros acima do nível médio do mar.
ÁLCOOL: 15%
ACIDEZ TOTAL: 6,73
AÇÚCARES TOTAIS: 84 g/L
ANALISE ORGANOLÉPTICA - VISUAL: Rosa granada com reflexos castanhos - OLFATO: Apresenta um aroma intenso e muito complexo com forte presença de frutas como uva passa, figo seco, tâmaras secas, ameixa seca e um discreto aroma de goiaba. Apresenta também aroma floral lembrando à rosas - BOCA: O ataque inicial é doce, mas em virtude da ótima acidez o vinho é equilibrado, extremamente persistente e denso, no retro olfato destacam-se as frutas secas que se percebem no aroma, lembra marmelada bem cozida. Percebe-se nitidamente aromas de especiarias como a baunilha e o chocolate.
TEMPERATURA IDEAL PARA CONSUMO: 9 a 11°C. Nesta temperatura obtemos melhor equilíbrio em boca e valorização dos aromas
VOLUME: garrafa de 200ml
HARMONIZAÇÃO: O Pericó icewine, hamorniza com sobremesas a base de pêra e frutas secas, queijos azuis (Roquefort e Gorgonzola), queijos de fungo branco (Brie e Camembert), Foie gras. É um vinho de meditação e portanto pode ser degustado e apreciado sem nenhum outro tipo de alimento.


COSSART GORDON
GOOD COMPANY FULL RICH- MADEIRA

REGIÃO: Ilha da Madeira - Distante 1.100 km da costa portuguesa. Vinhedos plantados a 200 metros de altitude no norte da ilha perto de São Vicente e no sul, em Câmara de Lobos.
CLASSIFICAÇÃO LEGAL: V.L.Q.P.R.D. (Vinho Licoroso de Qualidade Produzido em Região Determinada)
CASTAS: 100% Tinta Negra Mole
GRADUAÇÃO ALCOÓLICA: 19° GL (Açúcar residual: 115 g/L)
CARACTERÍSTICAS CLIMÁTICAS: Caracterizado por mesoclimas, apresenta verões quentes e úmidos e invernos amenos. Nas zonas vitícolas encontramos  os climas sub-úmidos e úmido a árido, conforme vamos da costa norte no limite superior para plantação da vinha, até à costa Sul, a cotas inferiores a 150 metros de altitude. Os valores anuais médios de precipitação estão em 3.000 mm nas zonas elevadas e 500mm na costa Sul junto ao mar.
SOLO: Solos de origem vulcânica, basálticos em sua maioria. De uma forma geral têm uma textura argilosa e quimicamente apresentam-se ácidos, ricos em matéria orgânica, magnésio e ferro, pobres em potássio e suficientes em fósforo.
ELABORAÇÃO: Colheita manual, seguida de fermentação com leveduras naturais e na ausência das películas, a uma temperatura de 24-26°C em cubas de inox. Após 48 horas,  a fortificação é efetuada com álcool vínico a 96°v/v, de forma a conservar o teor de açúcar natural desejado. Terminado esse processo, o vinho foi transferido para um tanque estufa, onde submeteu-se a um processo cíclico de aquecimento e arrefecimento, com temperaturas entre 45-50°C, durante 3 meses. Concluída a estufagem o vinho esteve a maturar em cascos de carvalho americano. Filtração e clarificação antes do engarrafamento.
AMADURECIMENTO: 3 anos em cascos de carvalho americano.
ESTIMATIVA DE GUARDA: Pronto para o consumo. Após aberto, guardá-lo em posição vertical preferencialmente em adega por tempo indeterminado.
CARACTERÍSTICAS ORGANOLÉPTICAS: Intensa coloração âmbar, reflexos dourados. Oferece frutos secos (figo, ameixa), além de amêndoas torradas, fumo e toffee. Sedoso e concentrado, com ótimo volume de boca e final delicioso a chocolate.
DIRETRIZES ENOGASTRONÔMICAS: Companhia certeira para sobremesas à base de chocolate; Torta de nozes e café; Tiramisù; Queijos cremosos de sabor intenso; Excelente como digestivo.
VOLUME: garrafa de 750ml
TEMPERATURA DE SERVIÇO: 14-16°C. Não é necessária a decantação.
 

A  degustação foi frenética, muitas cores, muitos aromas, e, muitos sabores. Dentre tantos vinhos de diferentes elaborações, mas de doçura constante, tivemos o privilégio e a honra de degustarmos o único vinho brasileiro "ICEWINE". O Icewine, vinho do gelo, foi criado na Alemanha, mas tem maior cartaz hoje no Canadá.

As vinhas da Pericó têm as características climáticas da altitude catarinense, que as fazem amadurecer lentamente e concentrarem seu sabor. O Icewine Pericó é uma jóia rara e única das terras frias de altitude e da neve catarinense. Este foi um presente na nossa noite memorável de vinhos doces. A aclamação geral foi para o vinho Madeira com sua personalidade ímpar e para o Château dês Tours, botrytizado, vindo logo em seguida o ICEWINE catarinense.

Tivemos ainda, mais uma vez, o apoio da VINOTAGE Cosméticos, que ofereceu às participantes, o seu creme hidratante elaborado com sementes de uva, dentre os muitos produtos de beleza de seu portifólio...sempre um plus nos eventos dos enoamigos.com.

Que honra‼! Tim! Tim! 
e até a próxima taça!
 


 
Wine Talk Vinhos Doces
01-11-2011
       
       
       
       
       
       
   


 
 
► Pericó Vinícola/São Joaquim/Sta Catarina
► VINOTAGE cosméticos/Serra Gaúcha/Br


 



 
  Início
Vídeo
Download
Fale Conosco
Cadastro
  Institucional
Cursos
Degustações
Enoturismo
Enopoemas
Dicas
  Cláudia Elaine Garcia de Oliveira
Artigos
Enonews
Momento Divino
Fotos "Social do Vinho"
Saiu na Mídia
 
 
.:: • © Copyright 2007 - 2018, ENOAMIGOS ® • Santos • São Paulo • claudia@enoamigos.com.br • http://www.enoamigos.com.br .::
.:: • PORTALWEB 5.0 ® • WCMS Web Content Management Systems • Development for Santos Digital ™ Global Strategy